fbpx

Follow us on social

Banco China

Pela quarta vez no ano, autoridades da China ajudam mais um banco à beira de um colapso

Compartilhe com seus amigos

Após boato de insolvência, clientes do Yichuan Bank estão sacando dinheiro de suas contas em massa.

 

Separador de texto - China - Henan Yichuan Banco

 

A China parece atravessar um momento de instabilidade bancária. Nos últimos meses, o setor foi afetado por preocupações com liquidez, principalmente de bancos regionais menores que cresceram rapidamente nos últimos anos. 

O Baoshang Bank foi o primeiro, seguido do Bank of Jinzhou e, há dois meses, do Heng Feng Bank. O último a ter problemas financeiros foi o Banco Comercial Rural Henan Yichuan que, nesta semana, correu o risco de entrar em colapso após pedidos de saque em massa — movimento chamado “corrida aos bancos”, ou bank run, ocasionado pela crença de que um banco está ou pode ficar insolvente.  

Os correntistas do Yichuan foram até o banco tentar sacar seus fundos, mesmo com autoridades procurando conter as preocupações em torno de mais um problema bancário.

Separador de texto - China - Henan Yichuan Banco

Para isso, líderes empresariais e executivos bancários se reuniram na principal agência do Banco Comercial Rural Henan Yichuan prometendo apoio ao banco, enquanto funcionários mostravam maços de dinheiro diante das câmeras de televisão.

Essa foi uma tentativa de mostrar estabilidade e tranquilizar a população depois que rumores foram espalhados dizendo que o banco estava prestes a esgotar seus recursos.

Na quarta-feira, autoridades locais anunciaram que haviam detido duas mulheres acusadas de espalhar boatos falsos, além de abrir uma investigação sobre o ex-presidente do banco, citando que possivelmente houve violação de disciplina, argumento usado em casos de corrupção. 

As autoridades afirmaram que o banco tinha dezenas de bilhões de yuan disponíveis e já sendo usados.

Separador de texto - China - Henan Yichuan Banco

Enquanto isso, os funcionários da instituição, sobrecarregados com solicitações de pedidos de saques, colocaram pilhas de dinheiro nas janelas das agências para convencer os clientes a manterem seus depósitos no Yichuan. A medida, no entanto, não convenceu os correntistas, que continuaram formando filas para sacar dinheiro.

O Wall Street Journal relatou o desespero de Li Xue, uma cliente de 31 anos que apareceu pelo terceiro dia na agência no banco para retirar os milhares de yuans da poupança de sua mãe. 

A correntista disse que os gerentes tentaram convencê-la a manter o dinheiro com eles até março, afirmando que o capital iria gerar mais de 10.000 yuanes em juros, além de oferecerem cartões-presente de supermercado e investimentos com maior rendimento.

Contudo, Li foi firme: “Nós realmente não podemos perder o dinheiro.”

Separador de texto - Bitcoin.

Crise bancária

 No mês de maio, reguladores assumiram o controle do Baoshang Bank para realizar o primeiro resgate bancário do país desde os anos 90. 

Essa atitude resultou em uma preocupação generalizada sobre a saúde de outras instituições financeiras.

Desde essa ação, o governo chinês tomou cuidado para não anunciar novas aquisições. Entretanto, as autoridades mobilizaram empresas de administração de ativos, bancos estatais e fundos do país para injetar capital e procurar normalizar a situação de bancos instáveis, segundo o WSJ.

Separador de texto - Bitcoin.

Ao mesmo tempo em que o sistema financeiro tradicional beira o colapso na China, o presidente Xi Jinping pediu, no dia 24 de outubro, que o país avance na adoção da blockchain.

 

 

Cadastre seu e-mail para receber notícias e novidades em primeira mão.

Gostou desse artigo? Seja o primeiro a ver outros conteúdos como esse.


Compartilhe com seus amigos
About The Author

Somos a vanguarda da informação sobre Bitcoin e altcoins no Brasil.Desde 2013, fazemos iniciantes entenderem o que é criptomoeda e como funciona a blockchain e ajudamos especialistas a tomar decisões de investimento por meio de conteúdo original e notícias relevantes sobre as diferentes moedas digitais. Para isso, tornamos o conhecimento acessível em artigos, tutoriais, vídeos, podcasts e newsletters. Neles, informamos diariamente o valor do Bitcoin, Ethereum, Bitcoin Cash, Litecoin ou outros ativos, acompanhamos a movimentação do mercado de Bitcoin e seus efeitos sobre outras criptomoedas, avaliamos exchanges, moedas e outros projetos, trazemos especialistas para explicar conceitos e acontecimentos, e ensinamos desde operações básicas, como comprar Bitcoin, até mais complexas, como montar uma máquina de mineração.Se você quer ser o primeiro a saber disso tudo, acompanhe nossas redes sociais.