fbpx

Follow us on social

Bitcoin

Pesquisas sobre Bitcoin no Google e Baidu aumentam em meio à crise causada pelo coronavírus

Apesar da queda registrada no preço do Bitcoin nas últimas semanas, as pesquisas no Google e no Baidu sobre a principal criptomoeda por valor de mercado dispararam no último mês. 

A China, primeiro país a ser afetado pelo coronavírus, registrou nos últimos 30 dias um aumento de 183% nas pesquisas pela palavra “Bitcoin’’ no Baidu. 

Separador de texto - Bitcoin.

No entanto, não foi só na China que as pesquisas online sobre o BTC registraram um aumento. 

No dia 13 de março, logo após a criptomoeda ter sua maior queda diária dos últimos sete anos, as pesquisas sobre Bitcoin no Google dispararam no mundo inteiro. 

De acordo com o Google Trends, o número de pessoas que procuram informações sobre a compra de Bitcoin é significativamente maior do que o volume de buscas sobre como vendê-lo. 

Separador de texto - Bitcoin.

A Venezuela, país que sofre com as sanções econômicas impostas pelos EUA e que recentemente teve seus bancos temporariamente fechados por conta do avanço do coronavírus é o segundo lugar com maior interesse em comprar Bitcoin, atrás apenas de Cuba. 

O aumento do interesse pela criptomoeda pode ser resultado do impacto que a pandemia está causando na economia global; Logo, muitos investidores estão considerando o BTC como um hedge contra os bancos que sofrem com a turbulência econômica global.

Separador de texto.

Mercados globais

O coronavírus, vem causando grandes estragos nas economias mundiais, levando milhares de pessoas a liquidarem seus ativos. O colapso não poupou as criptomoedas, que acompanharam as quedas das principais bolsas de valores do mundo. 

Em meio aos temores causados pela pandemia, o Bitcoin caiu recentemente de uma alta de mais de US$10 mil, registrada em fevereiro, para menos de US$4 mil neste mês. O movimento gerou o aumento do interesse de traders, os quais viram a queda no preço do BTC como uma oportunidade para adquirir a criptomoeda.

Separador de texto.

Tyler Winklevoss, dono da corretora Gemini junto de seu irmão gêmeo Cameron, disse recentemente estar otimista em relação à recuperação do Bitcoin.

Em uma publicação no Twitter, Tyler afirmou acreditar que a maior criptomoeda por valor de mercado vai superar a situação atual. Além disso, para ele o BTC vai mostrar-se “mais forte do que nunca”. 

 

 

Cadastre seu e-mail para receber notícias e novidades em primeira mão.

Gostou desse artigo? Seja o primeiro a ver outros conteúdos como esse.

About The Author

Somos a vanguarda da informação sobre Bitcoin e altcoins no Brasil. Desde 2013, fazemos iniciantes entenderem o que é criptomoeda e como funciona a blockchain e ajudamos especialistas a tomar decisões de investimento por meio de conteúdo original e notícias relevantes sobre as diferentes moedas digitais. Para isso, tornamos o conhecimento acessível em artigos, tutoriais, vídeos, podcasts e newsletters. Neles, informamos diariamente o valor do Bitcoin, Ethereum, Bitcoin Cash, Litecoin ou outros ativos, acompanhamos a movimentação do mercado de Bitcoin e seus efeitos sobre outras criptomoedas, avaliamos exchanges, moedas e outros projetos, trazemos especialistas para explicar conceitos e acontecimentos, e ensinamos desde operações básicas, como comprar Bitcoin, até mais complexas, como montar uma máquina de mineração. Se você quer ser o primeiro a saber disso tudo, acompanhe nossas redes sociais.

Post a Comment

You don't have permission to register