fbpx

Follow us on social

Dash

Dash sobe 40% nas últimas 24 horas

Compartilhe com seus amigos

Criptomoeda valorizou 186% nos primeiros 15 dias de 2020.

 

Separador de texto - Bitcoin.

 

A Dash está tendo um ótimo desempenho desde o início de 2020. Somente nas últimas 24 horas, o preço da altcoin registrou um aumento de 40%, de acordo com o CoinMarketCap

No primeiro dia do ano, a Dash era negociada por US$41,87. Já na manhã desta quarta-feira (15), o preço da criptomoeda está em US$120,11, um aumento de 186,8%. 

A forte valorização da moeda está chamando a atenção dos traders, já que agora a Dash encontra-se como a 12ª principal moeda do mercado. 

Apesar do entusiasmo com o desempenho da altcoin, o preço da Dash ainda é bem inferior à sua máxima histórica de US$1.622,26, registrada em 21 de dezembro de 2017.

 

Dash

 

Motivos

Não é possível saber exatamente o que motivou esse “boom” no preço da criptomoeda. No entanto, existem algumas hipóteses. De acordo com uma postagem do blog da Dash, a adoção da moeda virtual na Venezuela tem sido grande.

Os venezuelanos parecem estar acreditando tanto nas criptomoedas, que o blog afirmou que no mínimo 10% do comércio venezuelano vai aceitar criptomoedas em 2020.

“Atualmente, existem mais de mil locais que aceitam pagamentos com criptomoedas. […] Embora mil comerciantes representem menos de 1% do total de lojas no país, esse é um nível de adoção e uso nunca visto em nenhum outro lugar”, afirmou o post no blog.

Separador de texto - Bitcoin.

Outra possibilidade que pode ter contribuído para o forte aumento do preço da criptomoeda foi o lançamento da Dash Platform na Evonet. 

A Evonet é uma rede pública de testes que permite aos desenvolvedores experimentarem as funcionalidades da plataforma, antes do lançamento completo da mainnet. 

O Dash Evolution, projeto que surgiu em 2015, visa substituir os longos endereços criptografados por nomes de usuários e listas de contatos, trazendo uma facilidade nas transferências de Dash. 

Separador de texto - Bitcoin.

Essa atualização permitirá aos desenvolvedores criar aplicativos descentralizados na rede Dash. E também, fazer integração com seus dispositivos por meio de uma nuvem descentralizada.

“Este lançamento representa os estágios iniciais de uma plataforma que visa revolucionar a troca de valor e cumprir a promessa de dinheiro digital. A equipe de desenvolvimento por trás da Dash Platform é orientada a tornar o desenvolvimento fácil e acessível para todos que se esforçam para cumprir a promessa da blockchain”, afirmou Dana Alibrandi, do Dash Core Group.

Em um evento no final de 2019, o CEO da Dash, Ryan Taylor, afirmou que a Dash iria se recuperar das quedas no mercado. E anunciou que

uma série de mudanças seriam feitas nos próximos meses, com o objetivo de contribuir para a recuperação da criptomoeda no mercado.

Parece que os planos do CEO da Dash estão dando certo.

Separador de texto - Bitcoin.

Na sua opinião, qual fator está sendo fundamental para o aumento do preço da Dash no mercado? Deixe seu comentário.

 

 

Cadastre seu e-mail para receber notícias e novidades em primeira mão.

Gostou desse artigo? Seja o primeiro a ver outros conteúdos como esse.


Compartilhe com seus amigos
About The Author

Somos a vanguarda da informação sobre Bitcoin e altcoins no Brasil. Desde 2013, fazemos iniciantes entenderem o que é criptomoeda e como funciona a blockchain e ajudamos especialistas a tomar decisões de investimento por meio de conteúdo original e notícias relevantes sobre as diferentes moedas digitais. Para isso, tornamos o conhecimento acessível em artigos, tutoriais, vídeos, podcasts e newsletters. Neles, informamos diariamente o valor do Bitcoin, Ethereum, Bitcoin Cash, Litecoin ou outros ativos, acompanhamos a movimentação do mercado de Bitcoin e seus efeitos sobre outras criptomoedas, avaliamos exchanges, moedas e outros projetos, trazemos especialistas para explicar conceitos e acontecimentos, e ensinamos desde operações básicas, como comprar Bitcoin, até mais complexas, como montar uma máquina de mineração. Se você quer ser o primeiro a saber disso tudo, acompanhe nossas redes sociais.